Organizar um casamento dá trabalho e nem sempre todas as tarefas são tão simples como parece. Uma delas é fazer a lista de convidados. É muito comum chamar pessoas por educação porque em algum momento da vida dos noivos, ela teve sua importância e deixá-las de lado pode chatear algumas pessoas.
Velhos amigos dos pais dos noivos, namorados (as) de familiares, colegas de trabalho, amigos de infância e por ai vai… o que deveria ser simples de resolver se torna um quebra cabeça. Então, como você pode facilitar a criação da lista?
Através das dicas a seguir, você terá uma grande ajuda para reduzir a lista de convidados sem sofrimento.

Defina o tipo de casamento

Tenha diálogo com seu esposo e definam o tipo de evento que o casamento de vocês vai ser. As pessoas que vocês convidariam para uma celebração intimista não seriam as mesmas de uma grande festa. Se o motivo da redução da lista de convidados é o orçamento apertado, a melhor opção seria um casamento íntimo, com uma média de 50-100 pessoas e convidados escolhidos a dedo.
Com a definição do tipo de casamento, façam cotações com fornecedores para calcular uma média aproximada de custo por pessoa, sempre arredondando para o valor mais alto para começar a calcular exatamente quantas pessoas você pode convidar. Dessa forma, você evita estourar seu orçamento.

Estabeleça uma ordem de prioridades

Divida seus convidados por categoria. Assim é mais fácil enxergar o grau de intimidade que você e seu noivo tem com cada pessoa listada. Por exemplo, a lista pode conter os seguintes tópicos:

  • FAMÍLIA
    – Imediata;
    – Muito próximos;
    – Pouca proximidade;
  • AMIGOS
    – Íntimos;
    – Muito próximos;
    – Colegas de trabalho;
    – Infância;

Algumas pessoas pode ser um pouco mais complicado em qualificar nessas categorias, então você pode usar essas cinco perguntas como forma de eliminar:

Há quanto tempo não falo com essa pessoa? Se a resposta for mais de um ano, ela poderá sair da sua lista. Algumas pessoas foram e sempre serão muito importantes na sua vida. Só que algumas outras já foram presentes na sua vida um dia, mas simplesmente deixaram de ser.

Eu realmente conheço a pessoa? É muito comum noivos convidarem parentes distantes ou amigos dos pais que nunca nem viram para agradar alguns familiares. Entretanto se sua lista está estourada e precisa cortar pessoas, faça! Melhor convidar quem realmente te conhece, certo?
Lembrando que maridos e acompanhantes dos convidados são uma exceção, já que realmente é necessário convidar independente de você conhecer. Agora, não chamar filhos de amigos dos seus pais por exemplo não fica feio.

Há quanto tempo não falo com essa pessoa? Se a resposta for mais de um ano, ela poderá sair da sua lista. Algumas pessoas foram e sempre serão muito importantes na sua vida. Só que algumas outras já foram presentes na sua vida um dia, mas simplesmente deixaram de ser.

Eu realmente conheço a pessoa? É muito comum noivos convidarem parentes distantes ou amigos dos pais que nunca nem viram para agradar alguns familiares. Entretanto se sua lista está estourada e precisa cortar pessoas, faça! Melhor convidar quem realmente te conhece, certo?
Lembrando que maridos e acompanhantes dos convidados são uma exceção, já que realmente é necessário convidar independente de você conhecer. Agora, não chamar filhos de amigos dos seus pais por exemplo não fica feio.

Tenho o contato dessa pessoa no meu celular? Muitas vezes por consideração, os noivos incluem pessoas que em algum momento de suas vidas foram importantes, porém não são mais. E quando vão ver, nem ao menos tem o telefone delas. Ou seja, atualmente é um indício de uma relação de amizade superficial e pode ser retirada da lista no caso de excesso de convidados.

Sentiria-me confortável na presença desta pessoa? Casamentos não são moeda de troca. Não é porque você foi convidado para um casamento que você tem obrigação de convidar a pessoa para o seu. Ainda mais no caso de Mini Weddings, onde são cerimônias íntimas e para quem realmente faz parte da sua vida. Colegas de trabalho, paqueras de amigos são pessoas com as quais você tem pouca ou nenhuma e o casamento é um momento seu para compartilhar com quem você gosta.

É claro que são apenas dicas de como reduzir sua lista. Se seus colegas de trabalho fazem parte da sua vida ou possui consideração por aquele amigo querido com certeza devem convidá-los para seu casamento. Independente do que decidir, seja sempre gentil e sincero, caso opte por não convidar alguém e a pessoa fique chateada explique a situação.